segunda-feira, 29 de junho de 2009

Once upon a time...

Era uma vez uma pessoa que amava comida e, consequentemente, comer. Um dia esta pessoa percebeu que só comer não era tão legal, era melhor ainda quando ela mesma cozinhava, descobria um receita ou uma técnica nova, e fazia coisas que ela nunca acreditou que fosse capaz. Então ela começou a se dedicar e aprender e foi melhorando.

Quando isso aconteceu ela começou a se interessar também não só mais por comida, mas por tudo que pode ser usado de APETRECHO dentro de uma cozinha e começou a comprar uma coisinha aqui, outra ali, mas o que mais chamava a atenção dela eram as máquinas incríveis que inventavam para ajudar os principiantes a fazerem receitas de chef...e lá foi ela experimentar.

O sonho dela era ter uma máquina de café expresso, mas a primeira compra dela não foi feliz e a máquina não era boa, mas assim mesmo foi usada até cansar.

Depois comprou uma máquina de fazer pão, que é um espetáculo e faz cada pão cheiroso que só vendo.

Mas ela aprendeu a técnica de fazer pão sozinha e era tão mais gostoso, que a máquina não é mais tão usada hoje em dia.

Daí ela comprou uma sorveteira, que é a alegria da casa no verão e faz cada delícia que só vendo, mas a vontade de tomar um café igual ao da cafeteria em casa não ia embora, e ela pesquisava aqui, namorava ali, mas não chegava a uma conclusão de qual máquina comprar e se valeria a pena.

Foi quando ela conheceu a Nespresso, e se apaixonou, mas era tão cara que ela esperou, esperou, esperou e esperou mais um pouco.



E de tanto esperar ela arrumou um emprego melhor, pagou as contas e num certo mês sobrou uma graninha...e a máquina era linda...e era em 10 vezes...vermelha...parecia um carro novo...a Ferrari das máquinas de café, e ainda vinha com um PLUS, fazia leite vaporizado para o capuccino, daí acabou, não deu mais para resistir, e ela comprou a máquina feliz da vida e ficou na maior ansiedade por uma semana esperando chegar a compra que fez pela internet.




E não é que quando chegou era tudo aquilo mesmo??? Café saboroso, rápido, quentinho, com gosto de café expresso de cafeteria. E o capuccino então? e do design.


OK, ela ainda não expulsou o marido da cama para dormir com a cafeteira, mas tá quase...hahaha. Ah!!! e como o sachê da máquina serve um café individual (e maravilhoso) e custa cerca de 1,90 cada, para tomar café agora, ela colocou um cofrinho do lado da máquina e tem que pagar 2 reais...é mole?

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Estão acompanhando?

Vocês continuam acompanhando os posts antigos que estou trazendo de volta aqui embaixo? Para quem olha só o topo da página, parece que não mudou nada, mas estou colocando mês a mês meus posts do blog antigo aqui embaixo e acabei hoje a semana legal que fiz com as colaborações dos blogs para o resproveitamento integral dos alimentos.

Olhem quanta coisa interessante.

Beijos